Dividindo nossas dores

 

“O mestre de Nazaré sabia tanto ouvir como falar de si mesmo. Ao expor a sua dor, estava treinando seus discípulos a serem abertos e autênticos uns com os outros, a dividirem as suas angustias, a aprenderem a arte de dividir” – Augusto Cury

Sofremos, muitas vezes, porque não dividimos nossas dores. Queremos levá-las sozinhos (as) e com isso sofremos. Como já fomos traídos, nas confissões que fizemos nos sentimos inseguros em nos abrir novamente e com isso não dividimos a angustia, a dor e o lamento que trazemos dentro de nós. Se quisermos alcançar cura temos que correr riscos e dividir o que aperta o nosso peito. Divida com quem te ama.

Busquemos relacionamentos aonde possamos ser ouvidos e aonde ouvimos. Relacionamentos que proporcione a arte de dividir. Não leve a carga sozinho (a). Espere que alguém leve com você. “Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo”(Gl 6:2)

Paz e alegria!

Luciano “Manga”

Anúncios

One Response to Dividindo nossas dores

  1. Incrível! Meditei sobre isso ontem a noite.
    Precisamos aprender (ou reaprender) a dividir nossas dores, buscar ajuda.
    Vejo, também, que por causa de uma falsa doutrina que estabeleceu-se dizendo que não podemos sofrer, que em tudo somos vitoriosos e “prósperos”, as pessoas temem compartilhar suas dificuldades. Uma barreira foi criada.
    A verdade é que somos sim vitoriosos, mas nossa vitória não está em não passarmos por situações difíceis e sim no modo como enfrentamos essas dificuldades (compartilhando, por exemplo!).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: